Os embates políticos e as contradições de Pelé

Texto por Andrey Santiago.


O falecimento de Pelé marca um momento de diversos sentimentos para o povo brasileiro.

De um lado, temos o maior jogador de futebol do Brasil e do mundo inteiro com inúmeros acertos em campo, de outro, um homem com inúmeras contradições e falhas em sua vida pessoal.

Pelé, um homem negro que veio da periferia, alcançou a ascensão social através do futebol e suas habilidades inigualáveis, se consagrando líder em campo e garantindo a felicidade de torcedores do Santos, da Seleção Brasileira e do New York Cosmos durante toda sua carreira.

Ao mesmo tempo, se eximiu politicamente em um momento trágico da história brasileira e raramente fez questão de utilizar sua posição para alavancar as lutas populares.

Durante a ditadura militar, o “Rei” viveu de maneira conivente com o regime, inclusive se encontrando e até posando para fotos com o ditador Médici após ser tricampeão da Copa do Mundo.

Ainda assim, Pelé, com todas as contradições, foi sutilmente modificando sua postura política em relação ao regime. Após vencer a Copa do Mundo de 1970, o jogador havia decidido pela sua aposentadoria da Seleção. O governo militar considerou isso um “ato de indisciplina esportiva” e fez diversas movimentações para convencê-lo a permanecer. Pelé recusou enfaticamente.

Anos mais tarde, em 1984, o ex “atleta-modelo” do regime militar posaria com uma camisa das Diretas Já e declararia para a Revista Placar: “O governo atual já teve a oportunidade dele. A pressão é muito grande e acho que todo mundo deve ter essa oportunidade (de votar). Essa é outra Copa que a gente tem de ganhar e foi por isso que ergui a minha réplica da Jules Rimet pelas eleições diretas.”

Pelé representaria o mito da democracia racial no Brasil, sendo utilizado enquanto arma de propaganda da ditadura, mas ignorar seus embates finais com o regime é também incorrer em omissões.

O TraduAgindo registra seu falecimento e destaca essa constatação central: Pelé foi um grande jogador e um complexo ser humano, seus acertos permanecem, assim como seus erros.

Essa contradição faz parte do maior jogador de futebol de todos os tempos.

Um comentário em “Os embates políticos e as contradições de Pelé

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close