Vladímir Ilich Lênin – O Pântano

Trecho retirado do livro “Que Fazer? Questões candentes de nosso movimento”, publicado originalmente em 1902 enquanto contribuição para o II Congresso do Partido Operário Social-Democrata Russo (POSDR), lançado recentemente pela Editora Boitempo.

Adquira o livro em sua íntegra clicando neste link.

Transcrição por Andrey Santiago.


Vamos em grupo cerrado por um caminho íngreme e difícil, de mãos firmemente dadas. Estamos cercados de inimigos e temos de caminhar sob seu fogo. Estamos unidos por uma decisão tomada livremente, justamente para lutar contra os inimigos e não cair no pântano vizinho, cujos habitantes desde o início nos condenam por termos constituído um grupo à parte e por termos escolhido o caminho da luta e não o caminho da conciliação. E eis que alguns de nós começam a gritar: “Vamos para o pântano!”. E quando começam a se envergonhar, protestam: “Que pessoas atrasadas são vocês! E como não se envergonham de nos negar a liberdade de convidá-los a seguir por um caminho melhor!”. Ó, sim, senhores, vocês são livres não só para nos convidar, mas também para ir aonde bem quiserem, ainda que para um pântano; achamos até que o verdadeiro lugar de vocês é justamente o pântano, e estamos prontos, na medida das nossas possibilidades, a lhes prestar assistência na sua mudança para lá. Mas antes larguem as nossas mãos, não se agarrem a nós e não manchem a grandiosa palavra liberdade, porque nós também somos “livres” para ir aonde quisermos, livres para combater não só o pântano, mas também aqueles que se desviam para o pântano!

3 comentários em “Vladímir Ilich Lênin – O Pântano

  1. aforismodahistria 3 de junho de 2022 — 10:31

    Poderia ter publicado o texto do capítulo completo.

    Curtir

    1. Ainda pretendemos camarada, esse semestre vamos publicar excertos de livros do Lênin!

      Curtido por 1 pessoa

      1. aforismodahistria 3 de junho de 2022 — 15:00

        Que maravilha, camarada! Todos os dias eu leio 2 ou 3 textos da página. Eu sinto falta de Losurdo, acho que tem apenas 2 textos dele na página. Seria muito bom poder divulgar os textos do filósofo italiano por meio dessa página.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close