Luiz Carlos Prestes – Declaração de Recusa de Pensão Vitalícia

A Câmara Municipal desta Capital resolveu, por iniciativa de um de seus membros, sem consulta prévia a mim mesmo, conceder-me, a título de “homenagem histórica” uma pensão vitalícia de dez salários mínimos a serem pagos pelos cofres municipais.

Grato pessoalmente pela homenagem, não posso, no entanto, aceitá-la. E isto devido fundamentalmente ao momento que atravessamos em nosso País, quando a autoridade executiva do Município vem demitindo um número crescente de funcionários, muitos deles chefes de família, pela simples razão, como explica o Senhor Prefeito e é, certamente, do conhecimento dos senhores vereadores, de falta de recursos financeiros nos cofres municipais.

Estou certo de que tanto os senhores vereadores como o Senhor Prefeito, Dr. Saturnino Braga, compreenderão as razões morais deste meu gesto.

Rio de Janeiro, 14 de junho de 1987.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close