Declaração do PSL: A derrota de Donald Trump

Declaração lançada no dia 9 de novembro de 2020, disponível em inglês no site Liberation News.

Mais de 70 milhões de pessoas votaram para destituir Donald Trump na eleição que ocorreu em 3 de novembro. Esses não foram votos para Joe Biden, um candidato que verdadeiramente nada inspira e que se tornou o candidato indicado quando o establishment da classe dominante do Partido Democrata se uniu para impedir Bernie Sanders de conseguir a sua indicação no inicio de Março. Essa votação histórica para Biden também não significa um apoio a suas posições pró-Wall Street, pró-guerra e seu papel enquanto arquiteto do atual sistema policiamento e de encerramento em massa.

Nos últimos minutos, todas as grandes redes de imprensa financiadas por corporações anunciaram que Joe Biden reuniu o número suficiente de votos dos colégios eleitorais para se tornar o próximo presidente dos Estados Unidos.

É importante destacar que a Fox News, que tinha torcido vociferantemente para Donald Trump nos últimos quatro anos, também deu a vitória para Biden e mudou dramaticamente o tom de sua cobertura para ser amplamente favorável a Biden e a campanha que ele trilhou.

Donald Trump insiste que ele continuará lutando. Ele argumenta que é o verdadeiro vencedor dessa eleição e a única razão pela qual ele pode não ser presidente se dá por conta de uma ampla fraude eleitoral. Isso não é verdade e enquanto mais e mais votos por correios chegam a Pensilvânia, Georgia e outros estados, se torna evidente que Trump de fato perdeu o voto no colégio eleitoral em uma disputa bastante acirrada que replica quase exatamente o resultado acirrado de 2016, mas com as margens reversas.

Trump quebrou a regra fundamental da política capitalista dos EUA quando denunciou a fraude do sistema eleitoral. Manter a imagem de uma transferência pacífica de poder entre os dois partidos da classe dominante por mais de um século tem sido considerado um elemento central da governança da América capitalista. A transferência pacífica concede legitimidade ao sistema. Todo sistema requer ou violência bruta não-diluída que é rotineiramente dispensada às classes oprimidas, ou depende de sua legitimidade com um setor da população que é então, naturalmente, complementado pela ameaça de violência e coerção do Estado. A “democracia” é a forma preferida de governo de classe porque obter a legitimidade com um setor significativo da classe trabalhadora e estratos intermediários torna o sistema mais fácil de manter. Isso evita a tensão e o conflito que tornam o governo de classe mais complicado e instável.

A motivação de Trump é bastante limitada e pessoal. Assim que sair da presidência, ele e sua família estarão sujeitos a múltiplos processos criminais e casos legais em vários estados acerca de questões relacionadas a evasão de impostos, fraudes financeiras e outros crimes parecidos. Se Trump se tornar um civil, ele perderá suas imunidades para processos baseados em Estados por crimes financeiros. Este será o futuro de Trump e ele sabe disso. A classe dominante não sacrificará a legitimidade de seu sistema político para proteger Donald Trump em sua vida civil após a presidência.

Trump passou os últimos dias tentando utilizar mobilizações de extrema-direita e fascistas para impedir a contagem dos votos. Mas ele está cada vez mais isolado. Sua base de apoio dentro do establishment capitalista está desmoronando e isso vai continuar. O fato de a Fox News e o conselho editorial do Wall Street Journal terem se voltado contra ele em sua busca por condenar o processo eleitoral é uma clara indicação de que seu destino foi selado.

A eleição presidencial de 2020 foi um referendo sobre Trump. Os democratas se saíram muito mal no resto da eleição. Eles perderam cadeiras para os Republicanos na Câmara e não conseguiram ganhar o Senado. O fato de ter sido uma eleição presidencial acirrada em um momento da maior catástrofe da saúde e desemprego em massa na memória recente mostra quão pouco o Partido Democrata tem a oferecer às massas populares. O establishment da classe dominante do Partido Democrata adotou uma orientação de centro-direita e se recusou a abraçar as demandas do programa Medicare para Todos; um cancelamento de aluguéis e pagamentos de hipotecas durante a pandemia; o cancelamento de dívidas de estudantes; ou reformas policiais significativas. Ironicamente, o mesmo establishment do Partido Democrata agora culpa a esquerda por suas falhas nas disputas eleitorais durante a eleição.

O Partido pelo Socialismo e Libertação argumenta desde 2016 que Donald Trump é apenas um sintoma de uma doença maior. O capitalismo tardio está destruindo não apenas a classe trabalhadora e os pobres, mas também grandes setores da classe média. Enquanto os bilionários ficam cada vez mais ricos e poderosos, o nível de sofrimento humano dentro do “país mais rico do mundo” aumenta rapidamente. A doença maior é o capitalismo, e a cura é substituir o sistema que fomenta a pobreza em meio à abundância e destrói os trabalhadores, enquanto uma minúscula classe de ultra-ricos concentra a riqueza e poder. A solução não está no Partido Democrata, mas na substituição do capitalismo por um sistema social humano, racional e sustentável: o socialismo.

A tarefa em mãos é construir um movimento de massas exigindo que a Casa Branca de Biden tome imediatas medidas de emergência para erradicar o desemprego em massa; fornecer um rendimento habitável garantido para todos aqueles que ficaram sem emprego; cancelar aluguéis, despejos e execuções hipotecárias; cancelar dívidas de estudantes; e adotar um programa Medicare para todos os sistemas de saúde. Ao mesmo tempo, temos que mobilizar uma maior oposição ao militarismo e à guerra dos EUA, que não diminuirá nem um pouco sob um governo liderado por Joe Biden.


Tradução por Andrey Santiago

Um comentário em “Declaração do PSL: A derrota de Donald Trump

  1. Obrigado pela tradução. Assim posso conhecer essa análise lúcida. Parabéns pelo trabalho.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close